A Revolução Iraniana (parte 1 de 3)  A Revolução Iraniana (parte 2 de 3)  A Revolução Iraniana (parte 3 de 3) Etíope resgatado... e libertado, de Manuel Ribeiro Rocha

 Mais Vídeos em - LEITURA OBRIGAHISTòRIA

14/10/2016

Bibliotecas digitais

 Via Senado Federal


Conheça alguns acervos digitais:

- Senado Federal: http://www2.senado.leg.br/bdsf
- Câmara dos Deputados: http://bit.ly/camarabd
- Biblioteca Nacional: http://bndigital.bn.br/
- Portal DomínioPúblico: http://www.dominiopublico.gov.br/
- Sebrae: http://bis.sebrae.com.br/bis
- Universidade de São Paulo: http://www.teses.usp.br/
- Biblioteca Virtual Consuelo Pondé: http://www.bvconsueloponde.ba.gov.br/

Mais de 70 links para estudar RUSSO



BIBLIOTECAS E AUDIOLIVROS:
BLOGS:
CALIGRAFIA E TRANSLITERAÇÃO:
CURSOS (GRAMÁTICA, EXERCÍCIOS, ETC):
INTERCÂMBIO:
JOGOS:
MATERIAL (INCLUSIVE PARA DOWNLOAD):
MÚSICA E VÍDEOS:
NOTÍCIAS:
PODCASTS:
PRONÚNCIA E SÍLABA TÔNICA:
TESTES:
VOCABULÁRIO:
NOTÍCIAS COM MAIS LINKS:

Por: Érika Batista e Caique Jr
Contato: coisasdealuno.ru@gmail.com
Pagefacebook.com/coisasdealuno
Pagefacebook.com/amigosdarussia
Instagram@coisasdealuno
Twitter@caiquevuh

10/10/2016

Como aprender inglês sozinho em casa?

Via Canal de Ensino

Como aprender inglês sozinho em casa?

 http://canaldoensino.com.br/blog/como-aprender-ingles-sozinho-em-casa


09/10/2016

História: O ofício do historiador - Maria Helena Capelato

Curta Acervo do Conhecimento Histórico
#introduçãoahistória

História: O ofício do historiador - Maria Helena Capelato

A jornalista Mônica Teixeira ouve a historiadora Maria Helena Capetalo sobre a profissão de historiador. Professora Titular do Departamento de História da FFLCH / USP, Capelato aborda, entre outros temas, o papel do historiador como investigador e a ampliação do mercado de trabalho para além da docência.

Assista a UNIVESP TV ao vivo, e veja nossa programação completa em http://univesptv.cmais.com.br

De segunda a sexta às 09h e 21h, o programa Estúdio Univesp traz entrevistas, debates, matérias especiais, notícias e o resumo da programação na tela da UNIVESP TV. O canal para quem quer saber mais e aprender sempre!

Sintonize a UNIVESP TV através dos canais digitais da multiprogramação da TV Cultura. Em São Paulo, o canal é o 2.2. Santos e Guarujá, canal 3.2. Ribeirão Preto, canal 4.2. Campinas canal 10.2. São José dos Campos, canal 27.2.

Ofício do Historiador - Rodrigo Patto Sá Motta.

Curta Acervo do Conhecimento Histórico

Ofício do Historiador - Rodrigo Patto Sá Motta.


(22/04/2015) O "Interconexão Brasil", com apresentação de Domingos Giroletti, contou com a participação de Rodrigo Patto Sá Motta.

Assista ao programa nos canais 09 NET e 29 UHF, com transmissão simultânea no site http://bhnews.tv.br. Uma edição inédita toda quarta-feira, às 21h.

Material de estudo para o MOBIM / MOBEX UFPA - HIstória




4. HISTÓRIA
TEMAS:

1. O tempo histórico.
2. Teorias da História: Marxismo e Escola dos Annales
3. A Antiguidade Clássica: Grécia e Roma, as condições de trabalho, a organização política e
social.
4. Feudalismo: estruturas políticas e relações de poder na sociedade medieval na Europa
Ocidental.
5. A Amazônia colonial: formas de organização do trabalho indígena.
6. As relações de trabalho no Brasil colonial: a escravidão negra e indígena
7. A vida e o trabalho no seringal da Amazônia brasileira: final do século XIX e as primeiras
décadas do XX.
8. A revolução industrial inglesa: século XVIII.
9. Os abolicionismos e os republicanismos no Brasil.
10. A “abertura” política dos anos 1970 e 1980: os movimentos sociais.
11. A desestruturação do bloco socialista e a emergência de uma nova ordem mundial.

BIBLIOGRAFIA (sugestões)

ALENCASTRO, Luiz Felipe de. O Trato dos Viventes: formação do Brasil no Atlântico Sul. São
Paulo: Companhia das Letras, 2000.

BLOCH, Marc. A Sociedade Feudal. Lisboa: Edições 70, s.d.

BOURDÉ, Guy & MARTIN, Hervé. As Escolas Históricas. Lisboa: Publicações Europa-América,
1983.

BLOCH, Marc. Introdução à História. 6 ed. Lisboa: publicações Europa-América, 1993.

CARVALHO, José Murilo de. A formação das almas: O imaginário da República no Brasil. São
Paulo: Companhia das Letras, 1990.

CANÊDO, Letícia Bicalho. A Revolução Industrial. Col. Discutindo a História. São Paulo: Atual,
1994.

COSTA, Emília Viotti da. Da senzala à colônia. São Paulo: Ed. da Unesp, 1998.

DUBY, Georges. Idade Média, Idade dos homens: Do amor e outros ensaios. São Paulo: Companhia
das letras, 1989.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Antiguidade Clássica. 2 ed. Campinas,SP: Ed. da UNICAMP, 2003.

HOBSBAWM, Eric. A Era dos Extremos. São Paulo: Companhia das Letras, 1995.

HOBSBAWM, Eric Da Revolução Industrial Inglesa ao Imperialismo. Rio de Janeiro: Forense, 1978.

PORRO, Antonio. As crônicas do rio Amazonas – Notas etnos históricas sobre as antigas populações
indígenas da Amazônia. Petrópolis: Rio de Janeiro: Vozes, 1992.

SANTOS, Roberto. História Econômica da Amazônia (1800/1920). São Paulo: T.A. Queiroz, 1980.

SKIDMORE, Thomas. Brasil: De Castelo a Tancredo (1964/1985) 3 ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra,
1989.

WEHLINH, Arno & WEHLING, Maria José C. Formação do Brasil Colonial. Rio de Janeiro: 1994.


 "Na idade média, o homem reza antes de sair de casa, hoje ele lê o jornal"   O último discurso de Martin Luther King,   Inauguração do Metrô de Mescou, 1935 
Diferencia entre los mayas y aztecas O Tráfico de escravos do Atlântico em 2 minutos. A Serpente emplumada, a história de Quetzalcoatl

Mais Vídeos AcervoPlay

Públicidade

Receba nossas postagens diretamente no seu celular. Basta enviar uma mensagem pelo WhatsApp com seu nome para - 55 91 981827693, e pronto.