04/04/2017

A revista, CLIO – Arqueológica

...



  • Sobre a Revista


A revista, CLIO – Arqueológica, apesar de ser uma publicação ligada a um programa de pós-graduação, procura uma diversidade de contribuições por autores de instituições brasileiras e internacionais. A revista publica principalmente textos inéditos sobre pesquisas originais que tratam de temas que atestam à interdisciplinaridade da Arqueologia contemporânea e a preservação do patrimônio.



Anual, inicialmente, a revista passou a ser semestral a partir do volume 20 (2006), de forma que, a cada ano, se publicam dois números. Foi modificado o formato da Revista aumentando o seu tamanho, o que permitiu melhorar a qualidade das imagens, tão importante nas publicações dedicadas à arqueologia e ao patrimônio arqueológico, utilizando-se também a policromia. Essas melhorias técnicas deram à revista maior e melhor visibilidade, e o uso de mapas antigos do Brasil e das Américas nas capas misturou a variedade com a padronização.

A modernização da Editora da Universidade Federal de Pernambuco e o programa de apoio a revistas científicas por parte da Propesq/UFPE têm sido fatores determinantes da manutenção da periodicidade da Revista. Além disso, apoios financeiros fora do âmbito universitário também garantem a continuidade e a qualidade da revista, tais como o MCTI/CNPQ/MEC/CAPES, a Fundação Museu do Homem Americano e a Fundação Seridó, assim como, recentemente, o Instituto Nacional de Arqueologia, Paleontologia e Ambiente do Semiárido- INAPAS/INCT/CNPq.

ISSN: 0102 6003 (versão impressa)

ISSN: 2448 2331 (versão on-line)

DOI: 10.20891


 "Na idade média, o homem reza antes de sair de casa, hoje ele lê o jornal"   O último discurso de Martin Luther King,   Inauguração do Metrô de Mescou, 1935 
 José William Vesentini esclarece os principais conceitos de Geografia.  Plebe Rude - Até Quando Esperar (Ao Vivo , 1986) Eduardo Sergio de Almeida, presidente do (TRT) da Paraíba

Mais Vídeos AcervoPlay

Públicidade