A Revolução Iraniana (parte 1 de 3)  A Revolução Iraniana (parte 2 de 3)  A Revolução Iraniana (parte 3 de 3) Etíope resgatado... e libertado, de Manuel Ribeiro Rocha

 Mais Vídeos em - LEITURA OBRIGAHISTòRIA

24/04/2017

Tese - Crise orgânica e ação política da classe trabalhadora brasileira: a primeira greve geral nacional (5 de julho de 1962)

  • Crise orgânica e ação política da classe trabalhadora brasileira: a primeira greve geral nacional (5 de julho de 1962) (Tese de Doutorado, UFF, 2013)
  • Autor: Demian Bezerra de Melo
  • Orientador: Prof. Dr. Marcelo Badaró Mattos


  • Resumo
Em 5 de julho de 1962, os trabalhadores brasileiros realizaram uma greve geral,intervindo decisivamente na crise política nacional, quando o Congresso Nacionalestava prestes a aprofundar o esvaziamento dos poderes do presidente João Goulart, a partir da imposição de um gabinete parlamentarista hostil. Hegemonizado por umaaliança entre comunistas e trabalhistas de esquerda, o movimento sindical brasileirofazia uma aparição contundente na cena política, mesmo porque, embora decretada paraapoiar as posições políticas de Goulart, a greve também encaminhou uma pauta dereivindicações econômicas, entre as quais a aprovação da Lei do 13º Salário. Partindode considerações críticas quanto a certas tendências da historiografia recente, um dosobjetivos deste trabalho é também intervir no debate historiográfico sobre a crise dosanos sessenta. Nesse sentido, tomando emprestado o conceito de revisionismo, esteestudo pretende-se como uma contribuição crítica



 "Na idade média, o homem reza antes de sair de casa, hoje ele lê o jornal"   O último discurso de Martin Luther King,   Inauguração do Metrô de Mescou, 1935 
Diferencia entre los mayas y aztecas O Tráfico de escravos do Atlântico em 2 minutos. A Serpente emplumada, a história de Quetzalcoatl

Mais Vídeos AcervoPlay

Públicidade

Receba nossas postagens diretamente no seu celular. Basta enviar uma mensagem pelo WhatsApp com seu nome para - 55 91 981827693, e pronto.